Vereadores aprovam títulos a cidadãos ilustres de Cáceres e moções de aplauso em Sessão Ordinária; confira os nomes

por Assessoria de Imprensa publicado 14/08/2019 11h45, última modificação 14/08/2019 12h39

Na Sessão Ordinária da última segunda-feira (12), na Câmara Municipal de Cáceres, os vereadores aprovaram duas concessões de títulos de Cidadão Cacerense, a Ilson Ribeiro Correia e Marionely Araujo Viegas, e duas moções de aplauso. As quatro proposituras foram assinadas por todos os vereadores.

A primeira moção de aplauso foi direcionada ao Tenente Coronel do 6º Batalhão de Policia Militar de Cáceres, Antônio Nivaldo de Lara Filho, de farta carreira profissional. Ele assumiu o comando em março com uma bandeira de integração, sendo nomeado Secretário Executivo do Gabinete de Gestão Integrada do município; implantou policiamento sistêmico escolar, comercial e pós-ocorrências; desencadeou operações integradas retirando pessoas perigosas do meio da sociedade; ajudou a conciliar o Conselho de Segurança Pública da cidade; participou do planejamento de segurança pública do FIPe, implementando policiamento ostensivo motorizado, a pé, a cavalo e aéreo; e realizou o primeiro ACIS (Ação Cívico-Social) que ocorreu no Jardim das Oliveiras, levando vários serviços de utilidade pública à região, entre outras ações.

A segunda moção de aplauso, foi direcionada a Carlos Alberto Rissato, Diretor Regional do SESC-MT. A moção relata algumas das ações e esforços feitos pela instituição sob comando do homenagead, como a obtenção de uma "Carreta de Atendimento Odontológico" equipada com aparelho de Raio-X, que oferecerá serviços de restauração, minicirurgias dentárias e atendimento odontopediátrico, e fará a distribuição de 'Kits de Higiene'". Segundo o documento, sob a tutela de seu diretor o SESC mantém também outros projetos sociais como o SESC-Ler, o Habilidades de Estudo e os Cursos de Valorização, todos destinados a cidadãos que possuem renda familiar igual ou inferior a 03 salários mínimos, priorizando a população em situação de vulnerabilidade.

Os títulos de Cidadão Cacerense são destinados a personalidades notórias do município, enquanto as moções de aplauso reconhecem trabalhos e atitudes de pessoas não necessariamente residentes na cidade.


Felipe Deliberaes/Assessoria de Imprensa